domingo, 20 de setembro de 2015

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Meu querido filho.......



Meu querido filho,

Hoje olhando tuas fotografias sinto os quase 28 anos que passamos juntos.
Vejo-te recém-nascido fazendo a birra porque preferias o biberon.
Nesta estás deitado no relvado em frente à Torre de Belém com a bola de futebol nas mãos.
Olha esta de chapéu e sorridente numas férias de Páscoa com os teus avós no Algarve. Ainda não tinhas dois anos. Ai a chupeta adorada!
Esta foi tirada na Penha e sentados num penedo e tu preocupado estás a segurar a tua irmã.
Lembras-te desta? Parecem os Mosqueteiros___ lá estás tu com os teus amigos do colégio, que felicidade estampada nos vossos rostos.
Esta é do livro de fim de ano da Didáxis. Foi lá que conheceste o teu Grande Amigo e agora meu filho adoptado André Alves. Ainda hoje ele se preocupa comigo e com a tua irmã.
Ó meu filho nesta aqui estás trajado quando entraste para a FEUP. Mas depois da foto nunca mais pegaste no traje. Como te conhecia sabia bem que o vestiste contrariado. 
É Natal, é Natal e esta é a fotografia da praxe na noite de Natal na casa dos teus avós____ os primos: tu e a tua irmã, as tuas primas Gabriela e Joana.
Esta meu filho foram o teu colega Saravanan do INESC que a partilhou: estás de pé com a pasta do pc na mão junto com quatro dos teus colegas.
Encontrei uma no jantar de aniversário do André Alves. Muito gostavas de Coca-Cola. 
Esta é uma das últimas____ o dia em que nasceu a tua priminha e minha sobrinha-neta Carolina. Dia 30 de Abril de 2012. No dia seguinte, estamos todos a celebrar num almoço o dia do meu aniversário.
A última é a tua equipa de futebol do INESC a UTM Team. Eras guarda-redes. Foi a caminho do último jogo que partiste para sempre. Já não voltaste para casa, nem chegaste ao Porto.
Desde esse dia, há 39 meses, que vivo com esta dor que aumenta com as saudades.
Fico olhando a fotografias com a esperança de, um dia, te abraçar! Amo-te!




domingo, 13 de setembro de 2015

"Contos do Nascer da Terra" ______ Mia Couto





Há mulheres que procuram um homem que lhes abra o mundo. Outras buscam um que as tire do mundo. A maior parte, porém, acaba se unindo a alguém que lhes tira o mundo.

Mia Couto

sábado, 12 de setembro de 2015

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Os meus pequenos utentes.....................

Os meus pequenos utentes,

Consulta de saúde infantil à Francisca de 18 meses. Dirijo-me à sala de saúde infantil e encontro a Francisca na sala de espera a brincar numa mesinha pequenina. Fui ter com ela e disse:
- Olá Francisca, estás boa?
Ela levantou-se e foi ter com o pai que estava ao lado e agarrando-se às suas pernas tentou esconder-se
- Ela e as batas brancas - disse o pai
Entretanto dirigimo-nos para a sala de saúde infantil e logo que me afastei ela começou a dizer-me adeus.
Já na sala mais uma bata branca, a Srª Enfermeira.
Enquanto a observava a Francisca entre o choro acenava-me dizendo-me adeus. (risos)
- Já me estás a despachar Francisca! - disse eu
No fim da consulta, já vestida e pela mão do pai, feliz por sair dali então o adeus foi mais efusivo!

sábado, 5 de setembro de 2015

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Os meus pequenos utentes................


Consulta de Saúde Infantil:

Ao entrar na sala de Saúde Infantil disse para a minha pequena utente de 18 meses que não parava quieta em cima da marquesa pediátrica:
- És uma reguileira!
- É Inês - respondeu ela
(risos)
Depois de a observar abri a porta e ela (sentada na marquesa e a mãe a calçar-lhe as sandálias) começou a apontar para fora e a dizer:
- É mar azul...é praia....
A mãe e eu não vímos logo o que ela queria dizer.
A Inês insistia em apontar e dizer:
- É mar azul...é praia
Olhando com mais atenção demos com um biombo que está instalado na sala de frente cujo motivo é uma praia com o mar azul.
(Observadora a Inês...eu nunca tinha reparado no motivo do biombo que está ali há uns anitos).