sexta-feira, 22 de julho de 2016

22 de Julho


Hoje fiz o 20º tratamento.
Mais um ____ menos um!
Fui à tarde na minha hora de intervalo da USF.
Não apanhei muito transito até Braga. De Vizela A Guimarães vou por um caminho que vai dar directamente à rotunda de acesso à A11. Não apanho o trânsito da estrada nacional.
Chegada ao Hospital lá fomos (eu a a maria Ivone) para o Serviço de radioterapia. A 1ª sala de espera tinha 8 pessoas. Entreguei o cartão à Secretária Clinica (não me canso de referir que são um doce) e entrei logo pois estavam a fazer radioterapia à parte mamária.
Fui para a 2ª sala de espera. Aí estavam 3 homens e 1 senhora. A senhora também era tratamento à mama. Vi pela camisola interior.
A conversa gerou-se à volta do hospital onde cada um foi operado. Só 1 é que foi no Hospital de Braga. Os restantes (incluindo eu) foram no Hospital de Guimarães.
Depois foram as peripécias (complicações) dos pós operatórios.
No mesmo dia fui operado 3 vezes. Só à 3ª vez é que fiquei bem. No fim das outras duas fiquei a gritar de dores. Era um problema bicudo - disse um dos homens
Eu fui para ser operado á vesicula e descobriram que tinha um tumor perto do pancreas. Tiveram que me abrir e também tive uma complicação. Foi uma hemorragia. Por pouco vi o outro mundo. Mas aqui estou e penso que vou ficar bom!
O ambiente era como se estivessemos numa esplanada à espera de nos servirem um café.
A naturalidade como se fala na doença, no cancro, no malzinho é própria de quem a encara como mais um desafio na vida.
Não esperei muito para ir ao "solário". Hoje para além da radioterapia foi dia de analisar o tratamento.
Hoje vamos tirar umas fotos - disse o técnico
Olhe, tire-me as rugas com photoshop - respondi
Ele deu uma gargalhada!
Às 15h já estavamos em Vizela com paragem no Teatro dos Sonhos para mais um delicioso lanche: Bolo de bolacha e Sangria de fruta (sem álcool) bem geladinha.
"É verdade que vivemos de urgências mas
o sentido das coisas mora mesmo é na calmaria" _ Fernanda Gaona
Já só faltam 10 tratamentos!