quarta-feira, 31 de maio de 2017

Regresso


Regresso ao útero materno,
mergulho no feto que fui
todos meus sentimentos e emoções…
deixo-os pendurados no cordão umbilical…
Em paz, adormeço na posição fetal.

MRS

domingo, 21 de maio de 2017

Momentos __________



Momentos com quem já fez parte da minha vida (em Luanda) e voltou a cruzar-se com a minha vida.

A idade não conta______ seremos sempre as jovens da Rua José Oliveira Barbosa (JOBs) em Luanda.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Curtas Poéticas 2017




No meio do êxtase mora minha alma,
que fala através das entrelinhas,
que mostra meu amor
no latente do que posso chamar de eterno.

********

Asa ferida
voar rasante
respirar a vida
fazer o caminho
no colo mãe
no afago do filho

*********
Na plataforma ficou
o amor
O beijo se despediu
com dor
A viagem iniciou...

*********

O amor sentido num segundo
na pulsação do coração
no toque de cada mão
na palavra do olhar.

*********

Ouço a tua voz
na memória da ternura
Sinto teu o coração
na profunda saudade
Vejo o teu olhar
na lágrima calada.

*********

Verso rimado em cartão guardado,
sonho empoeirado no abraço apertado,
sorriso desenhado na estação do passado,
amor infindo no coração cravado.

*********

Saudade num colar de pétalas
Aroma de cores salpicada
Verso perdido numa canção
Alucinar pela chegada
Entre a primavera e o verão
Amor infinito.

*********

Sou maré cheia
Noite de lua incandescente
O coração inundo profundamente.
Sou vento forte do furacão
em rodopio na tua direcção.
Sou o verbo!

*********

Nascer de novo
Lápis, folha de papel, ponte
Desenhar o momento,
Tecer o berço
Trilhar a infância,
voar no tempo
Beijar-te na despedida.

*********

Acarinhar-te no meu silêncio
Não importa se nunca virás
Este sentir ilimitado, recluso em mim
Não importa se nunca virás
Amar-te-ei, até ao fim!

*********

Amar devagar,
suspender no tempo,
momento eternizado
na luz do nascimento.

*********

Onda agitada
brisa refrescante
sol escaldante
Amor é tudo e nada!

Maria do Resgate Salta

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Faz hoje um ano _______


Faz hoje 1 ano que fui operada ao meu cancro da mama. Faz hoje 1 ano que a minha vida, mais uma vez, deu uma volta.
Não foi a pior volta! A pior volta foi a morte do meu filho!
Desde há 1 ano, após a cirurgia e os tratamentos, abençoo (não estranhem o que digo a seguir) a oportunidade que Deus me deu ao ter que passar pelo caminho do cancro.
Nem tudo é mau, ou melhor, nem tudo tem que ser mau. Quando estamos no lado negro da vida e nos perguntamos "porquê eu?" (nunca fiz essa pergunta) devemos perguntar "porque não eu?". A vida oferece-nos constantemente as suas dádivas e nós, preocupados com os afazeres, com os problemas (porquê eu?), com as ambições, vivendo um futuro tão incerto, não aproveitamos essas dádivas.
Durante os tratamentos conheci pessoas fantásticas que me enriqueceram. Pessoas que mudaram a sua visão da vida quando souberam que tinham cancro: umas de uma forma positiva, outras de uma forma negativa (porquê eu?) mas todas com o objectivo de não se deixarem vencer pelo cancro, doença, malzinho.
Comecei a ingerir comprimidos aos 60 anos. Muito bom pois tenho na minha lista utentes com a minha idade que já tomam uma mão cheia há vários anos.
Desde há 1 ano iniciei um novo caminho ____ despindo-me e desfazendo-me do que não me faz falta. Quero ter lugar para a vida!
Agradeço a Deus a oportunidade que me concedeu (com o aparecimento do meu cancro) de eu começar a saborear a vida!

terça-feira, 9 de maio de 2017

Momentos _____________



Momentos com quem já fez parte da minha vida (em Luanda) e voltou a cruzar-se com a minha vida. JOB.

terça-feira, 2 de maio de 2017

Obrigada _____



Nosso círculo de amigos é como um círculo, não tem começo nem fim.
Ontem é história, amanhã é mistério, hoje é uma dádiva.
Agradeço a todos os que tornaram o "meu hoje" numa dádiva de carinho.
Retribuo o carinho com um abraço apertado.


segunda-feira, 1 de maio de 2017

Dia de aniversário _______


Quem determina quando haverá mudança na nossa vida? Não é o calendário, não é um aniversário, nem um ano novo ____ é um evento. Grande ou pequeno, bom ou mau _____ algo que nos mude e que de preferência nos dê esperanças ____ uma nova maneira de viver e de olhar para o mundo _____ desfazendo-nos de velhos hábitos e memórias que nos possam condicionar.
O importante é nunca deixar de acreditar que podemos ter um novo começo, mas também é importante lembrar que existem alguns momentos, que valem a pena serem guardados na nossa memória, porque, mesmo mudando, somos esses tão importantes momentos.
Hoje mudo de ano, entro num novo ano da minha vida_____já passaram 61 anos desde que nasci ____mas diariamente tento lapidar as imperfeições que tenho. Tarefa difícil, mas que farei mesmo sabendo que, um dia, algumas partirão comigo.
O dia que hoje se refaz no calendário tem um grande significado e importância, não para o mundo, nem tanto para mim _____ é o dia dos meus pais. Principalmente para a minha mãe ________ para ela sim, o dia tem toda a importância do mundo. Parabéns para a minha mãe que me deu vida!
Beijinho daqui para aí!